quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Poeta ele é...


Um poeta não escreve, ele respira e faz aparecer, breve, sua alma se faz presente, ele sente, transforma ausente em forma. ele causa indignação, ele é ilusão, inconsequente, admira a vazia forma, pra se fazer notado. é o sim subjetivo, e o não indolente, um ser apaixonado Paulo Alvarenga

Um comentário:

  1. Hacia tiempo que no veía un blog tan precioso,besos

    ResponderExcluir