domingo, 30 de agosto de 2009

Nosso ninho

Somos as flores do mal,
animais famintos,
somos as tempestades de seda,
que envolve os linhos no labirinto,
estamos entrelaçados,
uma aliança de carinho,
saciados dessa noite, no ninho...

Paulo Alvarenga

Nenhum comentário:

Postar um comentário